Buscador Avanzado

Autor

Tema

Libro de la biblia

* Cita biblica

Idioma

Fecha de Creación (Inicio - Fin)

-

POR OUVIR FALAR

Written by
Rate this item
(1 Vote)

Há pessoas que, mais do que acreditarem em Deus, acreditam naqueles que falam dele. Só conhecem Deus por «ouvir falar». Falta-lhes experiência pessoal. Assistem talvez a celebrações religiosas, mas nunca abrem os seus corações a Deus. Jamais se detêm a perceber a sua presença no interior do seu ser.

É um fenómeno frequente: vivemos girando em torno de nós mesmos, mas fora de nós; trabalhamos e desfrutamos, amamos e sofremos, vivemos e envelhecemos, mas a nossa vida passa sem mistério e sem um horizonte final.

Mesmo aqueles de nós que nos dizemos crentes não sabemos muitas vezes «estar ante Deus». É-nos difícl reconhecermo-nos como seres frágeis, mas infinitamente amados por Ele. Não sabemos admirar a sua grandeza insodável nem gostar da sua presença próxima. Não sabemos invocar ou louvar.

Que pena dá ver como Deus é discutido em certos programas de televisão. Fala-se «de ouvir falar». Debate-se o que não se conhece. Os convidados ficam acalorados a falar do Papa, mas a ninguém se ouve falar com um pouco de profundidade sobre esse Mistério a que nós crentes chamamos «Deus».

Para descobrir Deus não servem as discussões sobre religião e os argumentos dos outros. Cada um tem de fazer a sua própria viagem e viver a sua própria experiência. Não basta criticar a religião nos seus aspetos mais deformados. É necessário procurar pessoalmente o rosto de Deus. Abrir caminhos na nossa própria vida.

Quando durante anos se viveu a religião como um dever ou como um peso, só esta experiência pessoal pode desbloquear o caminho para Deus: poder comprovar, ainda que seja de uma forma germinal e humilde, que é bom acreditar, que Deus faz bem.

Este encontro com Deus nem sempre é fácil. O importante é procurar. Não fechar nenhuma porta; não descartar nenhuma chamada. Continua a procurar, talvez com o último resto das nossas forças. Muitas vezes, o único que podemos oferecer a Deus é o nosso desejo de nos encontrarmos com ele.

Deus não se esconde dos que o procuram e perguntam por Ele. Mais cedo ou mais tarde recebemos a sua «visita» inconfundível. Então tudo muda. Pensávamos que estava longe, e está perto. Sentíamos ameaçador e é o melhor amigo. Podemos dizer as mesmas palavras que Job: «Até agora falava de ti por ouvir falar; agora os meus olhos viram-te».

 

José Antonio Pagola

Tradutor: Antonio Manuel Álvarez Pérez

Publicado en www.gruposdejesus.com

Read 675 times
Login to post comments